winner_logo__horizontal_l-1mob-1

Descubra os Segredos do Verbo TO BE – Parte 2

E aí, aprendeu um pouco sobre o verb to be na parte 1? Pois com essa série de posts você vai pegar de vez a matéria e deixar as complicações de lado.

No post passado, você viu a introdução com as tabelas do verbo, positivo e negativo. E aqui, como prometido, você verá as questions forms e as contractions! Preste atenção, pois no final temos exercícios para vocês porem em prática o aprendizado da parte 2. As correções dos exercícios aparecem ao final deles, quando você concluí-los. Prestem atenção!

Contractions of the verb to be

 

As contrações são muito usadas em conversas informais no inglês. Elas ajudam a conversa a fluir mais e depois de aprendê-las, você nem notará que está usando-as. Aqui está a tabela:

Notaram a diferença? As contrações são bem fáceis de pegar, mas mesmo quando estiver escrevendo informalmente (como na internet, por exemplo), não esqueça o apóstrofo ( ), pois você e os demais podem até entender, mas às vezes a falta dele pode mudar o sentido da palavra. Por exemplo: We’re (nós somos) sem apóstrofo fica Were (passado de are, era).

Agora, as contrações negativas: a junção do verb to be com a palavra not. Usado para negar algo, por exemplo: You are not playing soccer now.

Fácil, não? É basicamente juntar o verb to be + n’t = aren’t, isn’t.

NOTA: Viram que I não tem contração negativa, não é? O máximo que pode-se fazer é deixar I’m not a singer. (Eu não sou um cantor) Mas nem sempre foi assim, no século 19 criaram a contração ain’t para usar. Mas logo depois começaram a usá-la em todos os demais, como You ain’t, She ain’t…Então hoje em dia essa contração é categorizada como uma gíria apenas, totalmente informal. É desaconselhável usá-la.

Question forms

 

As question forms são apenas a inversão do verb to be com o sujeito para fazer uma pergunta. Então ao trocar um com o outro, você automaticamente forma uma indagação. No inglês não se tem o costume de falar I am a nice guy? (Eu sou um cara legal?), pois soa muito como uma afirmação. O certo seria Am I a nice guy? Veja os demais exemplos:

Então, como resumido ali na introdução, as question forms são bem básicas. Mas não vá esquecendo das negative question tags. Como assim? Ué, você não faz perguntas como “Ela não é um estudante?” ou “Eles não estão em casa?”? Pois é, não podemos usar as question forms (já contraído) normais para falar isso, então elas ficariam, respectivamente: “Isn’t she a student?” e “Aren’t they at home?”.

Então vocês prestaram atenção? Já estão prontos pros exercícios?

[WATUPRO 147]

Fiquem preparados para a parte 3 do post, pois há muito mais sobre o verb to be! É, não é pouca coisa não…See you!

2 comentários em “Descubra os Segredos do Verbo TO BE – Parte 2”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.